Barra da Tijuca, Rio de Janeiro, RJ Barra Square Shopping Center, Avenida das Américas 3.555, Bloco 1, Sala 301

Conheça as principais tarefas de um desenvolvedor de software

tarefas de um desenvolvedor de softwarePrecisar de um profissional especializado em computação é muito comum, seja pessoal ou profissionalmente. Entenda as tarefas de um desenvolvedor de software.

Assuntos relacionados à tecnologia geralmente são compreensíveis apenas para quem trabalha ou é aficionado pelo tema. As funções dos profissionais de Tecnologia da Informação (TI), como as de um desenvolvedor de software, acabam parecendo semelhantes para leigos, o que dificulta, inclusive, no momento de contratação do serviço.

Software X hardware

As dificuldades em entender o que faz cada “menino do computador”, como os funcionários de TI são conhecidos nas empresas, começa com a falta de conhecimento dos termos, muitas vezes escritos em inglês.

Os termos software e hardware são parecidos, mas bastante diferentes entre si na prática. Entenda para que serve cada um e como eles se complementam:

  • Hardware: se refere à parte física do computador ou máquina, isto é, aquilo que é tangível. O hardware é composto pelo teclado, mouse, CPU, chips e outros componentes que o usuário consegue tocar.
  • Software: é formado pelos elementos intangíveis, ou seja, os programas e sistemas que fazem o computador funcionar. São exemplos de software: os sistemas operacionais (como Windows, iOS e Android), programas e aplicativos.

O que faz um desenvolvedor de software

O desenvolvedor de software é responsável por criar sistemas que auxiliem nos processos internos, como o administrativo, comercial e financeiro. Além disso, se a empresa for ligada diretamente ao setor tecnológico, o profissional pode trabalhar diretamente no desenvolvimento operacional e de produto.

A presença do desenvolvedor de software na empresa é de extrema importância hoje em dia, visto que sua principal função é desenvolver soluções tecnológicas para aprimorar os processos da empresa.

Formação

O profissional que pretende trabalhar como desenvolvedor de software deve saber que as organizações contratantes prezam por funcionários com graduação em Ciências da Computação, Sistemas da Informação, Engenharia da Computação e cursos afins.

Habilidades técnicas, contudo, como linguagens de programação e certificações, contam muito no currículo. Por isso, a importância de o desenvolvedor ter experiência técnica mesmo fora da universidade.

Por que ser um desenvolvedor de software

A decisão de trabalhar nos bastidores das máquinas deve acontecer principalmente por quem gosta de resolver problemas e lidar com desafios. Funções relacionadas à TI talvez sejam as mais procuradas pelas companhias, em especial se o candidato apresenta conhecimentos técnicos variados.

O desenvolver de software é responsável por apresentar soluções tanto para colegas de quanto para clientes. Portanto, os resultados do seu trabalho podem ser percebidos diariamente e, inclusive, mudar os rumos de uma empresa.

Trabalhar com tecnologia é satisfazer as necessidades do futuro. Por isso, essa é uma área para quem é apaixonado pelo que faz e está disposto a buscar atualização constante. A recompensa é a carreira promissora, em um mundo cada vez mais rodeado de soluções tecnológicas.

Quais profissões você considera que terão mais reconhecimento no futuro? Compartilhe nos comentários e nas suas redes sociais. Gere discussões produtivas.

 

Comentários com Facebook
Ligue-me de volta!

Podemos te enviar nosso material digitalizado?


Sim
Não

Preencha o formulário


Aulas grátis de Programação e Photoshop! Deseja participar?


Sim
Não

Preencha o formulário